Sábado, 24 de Outubro de 2020 08:36
43 9.9683-7009
JUSTIÇA Nacional

Fux levará caso de André do Rap ao plenário em julgamento nesta quarta

O fato de o presidente do STF levar o caso ao plenário provocou reações nos bastidores da Corte

13/10/2020 10h27
Por: Portal Curiúva Fonte: O valor
Reprodução
Reprodução

Curta nossa página no Facebook e fique por dentro dos fatos que acontecem em todo Paraná.

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Luiz Fux, vai levar ao plenário nesta quarta-feira o caso do traficante André Oliveira Macedo, o André do Rap, líder da facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC).

No julgamento, os ministros vão analisar se a falta de pedido expresso de renovação de uma prisão preventiva, após 90 dias, leva automaticamente à soltura do réu, mesmo que já tenha havido condenação em primeira instância. A informação é do Valor Econômico.

A controvérsia opôs o ministro Marco Aurélio Mello, que considerou a prisão ilegal e mandou soltar o criminoso, e Fux, que no dia seguinte cassou a decisão do colega, abrindo uma crise no tribunal.

O fato de o presidente do STF levar o caso ao plenário provocou reações nos bastidores da Corte. Apesar de concordarem com a manutenção da prisão de André do Rap, uma ala do Supremo entende que Fux atropelou Marco Aurélio, que é o relator original do habeas corpus.

Ao Valor, Marco Aurélio disse ontem que o colegiado competente para a decisão definitiva é a Primeira Turma, e não o plenário, “mas tudo é possível nesses tempos estranhos”.

Como o ministro Celso de Mello se aposentou nesta terça-feira e ainda não foi nomeado o seu substituto, o julgamento acontece com quórum de dez – e não de 11 – ministros. Eventual empate tende a favorecer o réu.

Outros presos

A fundamentação baseada em artigo do pacote anticrime usada pelo ministro Marco Aurélio no caso de André do Rap,  pode beneficiar cerca de 770 mil presos que estão sob o mesmo regime de obrigatoriedade da avaliação da prisão em 90 dias. Esse dado é do Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

Segundo o CNJ, 30% dos presidiários que estão detidos provisoriamente no país se encontram nessa situação. O comparsa de André do Rap, Gilcimar de Abreu (o Poocker), condenado no mesmo processo que o suposto chefe do Primeiro Comando da Capital (PCC) – uma das facções mais perigosas do Brasil –, aproveitou a brecha para pedir liberdade à Justiça.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Anúncio
Curiúva - PR
Atualizado às 08h34 - Fonte: Climatempo
19°
Poucas nuvens

Mín. 16° Máx. 24°

19° Sensação
20.6 km/h Vento
61.7% Umidade do ar
90% (10mm) Chance de chuva
Amanhã (25/10)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 17° Máx. 26°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Segunda (26/10)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 16° Máx. 23°

Sol com muitas nuvens e chuva
Anúncio
Anúncio
Ele1 - Criar site de notícias